quarta-feira, 23 de setembro de 2009

O futuro é hoje e já pode estar acontecendo



Indiscutivel o legado de PPP comentado pelo blog Gigante Alviengro.

A queda para série B não pode ser considerado um desastre "da administração" do clube, mas sim um problema do desgaste que houve no modelo de gestão implantado a longinquos 11 anos. 11 anos não é muito para uma empresa fechar as portas, mas o que se tornou longiquo foi o modelo de gestão de uma empresa que era de pessoas ligadas ao clube que com as mudanças na economia foram perdendo seu potencial para outras gigantes que foram se formando, naquele início em 1998 o sistema de parcerias com as Traffic`s da vida só estava começando no cenário do futebol e a Figueirense Participações foi extremamente inovadora e ÚNICA em um estado que não aparecia no mapa quando assunto era futebol e PPP modificou isso. O Figueirense entrou no cenário futebolistico nacional dando exemplo e ensinando a muitos, já que PPP saia cidade a fora dando palestra do modelo de gestão.

O certo é que o mercado futebolistico e do cenário economico do país e do mundo tomaram outros rumos, fazendo os clubes ficarem reféns dos investidores, no casos as parcerias, sem dinheiro, quebrados financeiramente, os clubes tinham seu desafogo nas parcerias onde quem injetava dinheiro na contratação de atletas era o parceiro, o clube ficava com a glória do título e o parceiro com o dinheiro da venda do atleta bem sucedido, contudo, o clube, com títulos e grande repercussão na mídia, conseguia por outros meios marketeiros buscar sua renda, com os patrocinadores master de camisa e sócios e o principal deles, se mantendo na elite, a grande verba proveniente dos direitos de tv que a Globo enchia os cofres.

O modelo de gestão, muda para o bem, se adequa a esse novo contexto.

A Figueirense Participações saindo de cena não é de se estranhar se entrar uma empresa dessas que "já atua" no futebol do clube como a BIZ, de José Carlos Lages, coisa essa, que desagradaria uma boa meia duzia insatisfeita com as contratações de tempos passados até hoje e tem sede e São Paulo (mas que duvido ter poderio financeiro para o que o clube precisa) e a minha segunda opção e que suponho (suponho) ser a mais certa hoje seria a Brazil Soccer de Edurado Uran que tem sede no Rio de Janeiro, PPP afirmou que viria do eixo RJ - SP, mas todas tem esse eixo, relativo... depois teriamos outras conhecidas como a Energy Sports, Traffic, Grupo Sondas e porque não, a LA... Buscando algumas informações, Eduardo Uran é quase como um "sócio"do Flamengo, da as cartas junto a Marcio Braga, tem Wanderley Luxemburgo como seu amigo, inegavelmente é bem relacionado, tem o tal network, que PPP busca.

A parceria é um toma lá da cá, se uma ala da torcida acha que a Figueirense Participações tinha interesse em ganhar dinheiro com o clube vendendo jogador até pode estar certo, mas pode ir se acostumando com essa idéia quando vier uma nova "parceira" para o clube, pois é justamente o que vai acontecer, já não estou colocando pimenta, mas só vou dar um exemplo claro que aconteceu esse ano no Palmeiras com o Keirrison, quem acompanha futebol sabe do que estou falando... contratado a peso de ouro, em 12 jogos fez 12 gols, cotado para seleção, virou xodó, idolo, era o cara do campeonato, pimba! O cara parou de jogar, parou de fazer gols, a torcida já o olhava com outros olhos.... Vendido para o Barcelona, repassado para outro time e o Palmeiras e a torcida ficou a ver navios, então torcida alvinegra, esteja pronto para se acostumar com o modelo leva e trás desse novo cenário, pois é a realidade. Idolos de clube é coisa do passado, ainda bem, que temos os nossos, Fernandes e Wilson, mas até quando, não sei...

3 comentários:

x da questão disse...

Minha opinião de socio torcedor que não vive o dia dia da administração, o Figueira atraves do Dr PPP, montou uma estrutura que para o momento inicial de sanear o Clube e Saldar a divida, funcionou perfeitamente, ate por que o mercado trabalhava sem especulação, porem hoje estamos com um modelo bom mais sem recursos para competir com um mercado nas mãos de porcarias que concentram atletas e super valorizando. ai não ha como montar um time sem caixa suficiente para concorrer,
Agora é a hora, 1_ da Torcida apoiar e torcer muito para subir-mos para elite, por que so assim fica mais facil encontrar parceiros para 2010.
2- Os torcedores tem que saber que o FFC é eterno portanto temos que esta do lado do FFC nesta hora de mudaças.
3- mudanças são coisas natural do ser humano, nada é eterno.
Força Figueira estou ai com voce.

MARCO ALVINEGRO disse...

E em uma passado recente,vimos como essa idéia de estar sem as grandes parcerias por perto e sem recursos da gestora, ficamos perdidos na contratação de atletas ano passado, onde conseguimos firmar contratações apenas com Ipatinga, Guaratingueta e Itumbiara`s da vida... dai não dava pra ser feliz...

Anônimo disse...

Belo texto Marco. Vais para Curitiba?
Abc
Vinciius Gaidzinski