quinta-feira, 16 de outubro de 2008

Faltou inspiração


O jogo de ontem foi mais uma prova de que apenas grandes jogadores não formam boas equipes. A cada jogo que passa fica mais evidente que o “técnico” Dunga não tem condições de comandar a Seleção Brasileira.

Este posto deveria ser ocupado por um profissional melhor preparado, com experiência e maior conhecimento do oficio, mas ao invés disso, a CBF prefere colocar o seu FANTOCHE, que acata e atende aos interesses da entidade.

Outros detalhes que não posso deixar de comentar:

Juan: apesar de não comprometer enquanto esteve em campo, o zagueiro foi substituído nas duas partidas por problemas físicos e acabou queimando uma possível mudança para melhorar a equipe. O “técnico” Dunga não sabia que o jogador vinha de uma lesão e não jogava uma partida oficial há bastante tempo?

Kleber: nas duas partidas o jogador não realizou sequer uma jogada ofensiva. Foi omisso, passou todo o tempo tocado a bola para traz. O Brasil tem melhores opções para a posição com certeza!

Gilberto Silva: não tem mais a explosão necessária para a função, não ajuda na criação e sua marcação deixa a desejar. Esse me parece se será como o Lateral Roberto Carlos, só deixa a seleção quando quiser.

Mudanças são necessárias, chega de medalhões, a seleção precisa de sangue novo, jogadores com vontade de representar o “País do Futebol” de forma digna.

O torcedor da seleção está cansado, ontem o Maracanã cantou em coro, ADEUS DUNGA! Na minha opinião, já vai tarde!

Um comentário:

Saulo Milleri Biral disse...

O Brasil não consegue jogar bem, os jogadores não tem vontade nenhuma e está uma porcaria para assistir os jogos da seleção. É preciso agir logo se não vai complicar mais. O que não pode é continuar jogando esse futebol horrível, péssimo, melancólico. É preciso mudança na seleção e já.